MISSÃO: Promover a inclusão da mulher no âmbito das decisões acerca da construção da casa e estimular a sua autoconfiança e autoestima. Oferecer assessoria técnica pautada pela confiança, cooperação e compartilhamento de informações.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Como começou?

O Arquitetura na Periferia teve início em 2013 durante pesquisa de mestrado da arquiteta Carina Guedes (EA-UFMG) e teve como base os seguintes questionamentos:

  • Por que a maioria da população brasileira não possui acesso aos serviços técnicos prestados por arquitetos e engenheiros antes ou durante a sua obra?
  • Por que justamente onde mais se constrói casas é onde menos vemos esses profissionais trabalhando?

A partir desta pesquisa foi desenvolvida a metodologia de assessoria técnica que utilizamos, voltada especificamente para o atendimento destas demandas.

Assine nossa news e fique por dentro das novidades.

Ajude o Arquitetura na periferia a fazer mais.

Quem somos?

Somos antes de tudo pessoas que acreditam no poder transformador do trabalho em prol de um mundo mais justo. Nossa equipe atualmente conta com três arquitetas, duas estudantes de engenharia, uma articuladora local e uma mestre de obras, além de voluntárias em diversas áreas tais como psicologia, fotografia e comunicação.